Eleições 2022Política

Tribunal Superior Eleitoral proíbe Bolsonaro de usar imagens da viagem a Londres em campanha

Ouça a matéria

Na última segunda-feira, 19 de setembro, o Ministro Benedito Gonçalves, Corregedor-Geral do Tribunal Superior Eleitoral, o TSE, concedeu uma decisão proibindo o atual Presidente, Jair Bolsonaro, de usar as imagens do discurso que fez durante a viagem a Londres, pois, há indícios de abuso de poder.

Na decisão do Corregedor-Geral do TSE, o Ministro afirma que: “Havendo indícios robustos da prática de condutas com potencial abusivo, não é necessário, para que se defira a tutela inibitória, verificar a efetiva ocorrência de lesão grave aos bens jurídicos”.

Bolsonaro viajou para a Inglaterra a fim de participar do velório da Rainha Elizabeth II; no último domingo, 18 de setembro, o Presidente falou com apoiadores em tom de campanha da sacada da residência oficial do Embaixador do Brasil no Reino Unido.

Como o atual Presidente participa do evento como Chefe de Estado, a campanha da candidata Soraya Thronicke, do União Brasil, uma ação no Tribunal Superior Eleitoral contra o Presidente por abuso de poder político e econômico por usar a viagem diplomática para fins eleitorais.

Imagem: Reprodução

Além da proibição, o ministro Benedito Gonçalves ainda ordenou a retirada de duas postagens do Deputado Federal Eduardo Bolsonaro, do Partido Liberal de São Paulo, filho do presidente, com vídeos do discurso em Londres, sob pena de multa de R$10.000,00 no caso de descumprimento.

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo