Segurança

Seis comerciantes são presos por vender vinho feito com etanol

Ouça a matéria

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) realização uma operação,entre o último domingo (9) e quarta-feira (12), que resultou na prisão de seis comerciantes que produziam e comercializavam falso vinho, contendo etanol. A ação também contou com o apoio do Ministério da Agricultura, da Universidade Federal do Paraná e da Vigilância Sanitária.

De acordo com informações da PCPR, após denúncias de consumidores que passaram mal depois de beberem o produto, o Ministério da Agricultura notificou a Polícia Civil que, junto aos laboratórios da Universidade Federal do Paraná, analisou a composição do vinho e constatou a presença de etanol combustível.

O Delegado Pedro Filipe Cruz Cardoso de Andrade comenta o caso.

Diversas garrafas do produto foram apreendidas. A bebida era rotulada com selos de  órgãos de governo, sendo comercializada como “vinho colonial”. Até mesmo Cadastro Nacional de Pessoa Jurídico era informado na embalagem. Segundo as investigações, além de regiões de Curitiba, há indicativos de que o produto era enviado a outros estados do Brasil.

Durante a Operação, quatro homens e duas mulheres foram autuados pela venda de bebida adulterada. Todos os suspeitos disseram não terem ciência da procedência do produto, assinaram Termo Circunstanciado.

(Com informações da Polícia Civil do Paraná)

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo