CidadaniaEducação

No Rio Grande do Sul, escola orienta alunas a não usarem roupas curtas

Ouça a matéria

Um bilhete enviado pela direção da Emef ( Escola Municipal de Ensino Fundamental) Iglesias Minosso Ribeiro, localizada na cidade de Capão da Canoa, no litoral do rio Grande do Sul,gerou polêmica nas redes sociais nesta terça- feira (13). A direção da escola orientou as meninas a não usarem roupas curtas na escola no período de calor.

“Orientamos as meninas que não usem shorts curtos ou tops na escola e que o melhor ambiente para esse tipo de roupa é o calçadão ou a praia”, diz a diretora da escola municipal, Marcia Rejane Bassani.

” Um advogado não vai ao fórum usando chinelo, cada local tem a vestimenta adequada, tivemos uma conversa informal coma s alunas e o bilhete foi enviado para que os responsáveis ficassem cientes das orientações.”

A mãe de uma aluna publicou o bilhete nas redes sociais e questionou os motivos de uma escola só ter enviado essa orientação para as meninas. Segundo Marcia, “os meninos costumam ir de bermuda mais comprida, e por isso não direcionamos o bilhete a eles”.

No texto publicado nas redes, a mãe afirma que a medida teria sido tomada para evitar o assédio na escola: ” Com a alegação de que os meninos estariam se aproveitando e passando a mão na bunda das meninas, ou seja, em vez de chamar a atenção dos meninos e seus responsáveis, estão punindo as meninas pelas roupas que usam”.

Segunda a diretora, nunca houve nenhum tipo de assédio na escola. “Caso isso ocorra, chamaremos o aluno e os responsáveis para uma conversa, não admitimos esse tipo de conduta, exigimos que todos se respeitem”, conclui Marcia.

Foto: reprodução
Fonte
O SegredoR7

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo