Política

Polícia Federal pode investigar secretário de comunicação de Bolsonaro

Ouça a matéria

O chefe da Secretaria de Comunicação Social (Secom) do governo Jair Bolsonaro, Fábio Wajngarten pode ser investigado pela Polícia Federal. A Superintendência Regional da Polícia Federal em Brasília abriu inquérito nesta terça (4) para apurar supostos desvios corrupção passiva e advocacia administrativa. A investigação foi um pedido do Ministério Público Federal, com base em reportagens do jornal Folha de S. Paulo.

O secretário é sócio da FW Comunicação e Marketing, que tem contratos com empresas que recebem recursos direcionados pela Secom. O presidente disse que não viu “até agora” irregularidades nas atividades de Wajngarten. O da Secom alega que se afastou da gestão da empresa e nega ilegalidades.

 

(Com informações do portal G1)

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo