Geral

Ministério da Justiça suspendeu as visitas de familiares e advogados nas prisões

Ouça a matéria

Apesar de dizer que não há casos de presos infectados em presídios federais, o Ministério da Justiça suspendeu nesta segunda-feira (16) as visitas de familiares e advogados nas prisões.

Pelo texto da portaria, assinada pelo diretor do Sistema Penitenciário Federal, Marcelo Stona, as visitas sociais ficam suspensas por um período de 15 dias; atendimentos de advogados, por um período de 5 dias — salvo necessidades urgentes ou que envolvam prazos processuais não suspensos.

As escoltas também deixam de ser realizadas temporariamente por um período de 15 dias, com exceção de requisições judiciais, inclusões emergenciais e daquelas que por sua natureza, precisam ser
realizadas.

O governo considerou que o quadro é de pandemia, o que exige medidas urgentes de prevenção, controle e contenção de riscos. O texto da portaria deixa claro que a medida pode ser reavaliada.

Fonte
CNN Brasil

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo