Esportes

Com recorde de público e polêmicas no VAR, Athletico empata sem gols com Estudiantes pela Libertadores

Ouça a matéria

Na noite da última quinta-feira, 05 de agosto, diante da sua torcida, que lotou a Baixada, o Athletico Paranaense empatou em 0 a 0 com o Estudiantes de la Plata, pelo jogo de ida das quartas de final da CONMEBOL Libertadores; o confronto será decidido na Argentina, na próxima quinta-feira, 11 de agosto.

O confronto entre as equipes sul-americanas foi marcado pelo protagonismo do VAR, aos 24’, o meio-campista Tomas Cuello, do Furacão, tentou o passe de cabeça e a bola tocou no braço de Godoy, do Estudiantes; o árbitro marcou o pênalti, mas voltou atrás após verificar o VAR.

No final do segundo tempo, aos 81’, o lateral Khellven aproveitou um rebote e cruzou para a área da equipe argentina, o zagueiro Thiago Heleno cabeceou no ângulo; o árbitro validou o gol, mas o VAR anulou por impedimento do lateral Rubro-negro.

O Athletico pressionou o Estudiantes durante todo o jogo, porém, em uma noite de pouca inspiração do ataque, comandando por Pablo, as jogadas criadas pelo time que terminavam no pé do atacante não foram convertidas em gol, irritando a torcida, descontente com o desempenho do atleta.

A partida de quartas de final da CONMEBOL Libertadores registrou o maior público do Athletico no Estádio Joaquim Américo Guimarães neste ano; atendendo um pedido de Felipão, mais de 34 mil torcedores estiveram presentes na Baixada para apoiar o Furacão.

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo