Internacional

Autocrata russo convoca 300 mil reservistas e faz ameaça nuclear contra o Ocidente

Ouça a matéria

Na manhã desta quarta-feira, 21 de setembro, em um pronunciamento à nação pela televisão, o Presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou a convocação de cerca de 300 mil cidadãos da reserva para se unirem às tropas na invasão do território ucraniano; além disso, o autocrata fez ameaças nucleares contra o Ocidente.

Durante o pronunciamento, Putin afirmou: “Vários representantes do alto escalão de países da Otan falam da possibilidade e admissibilidade de usar armas de destruição em massa contra a Rússia. Falam até de ameaça nuclear. Quero dizer a quem diz isso que nosso país possui uma variedade de armas de destruição, algumas mais modernas até que as dos países da Otan”.

O líder russo não informou a partir de quando os reservistas convocados começarão a ser convocados e nem quanto tempo será necessário para convocar todos eles; Putin só deu indícios de que apenas aqueles que já têm alguma experiência militar entraram na lista da mobilização anunciado por ele.

Imagem: Reprodução

Putin também anunciou a prorrogação, por prazo indefinido, os contratos dos soldados que já estão participando da ofensiva de invasão do País vizinho e que está aumentando os investimentos destinados a produção de armamentos bélicos.

Redação Litorânea FM

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor. A Rádio Litorânea tem o compromisso de levar a informação através de noticias da nossa região com agilidade e fidelidade aos fatos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo